top of page

Suspeito de atirar em grávida de 32 semanas e tiro atingir bebê é preso em Imperatriz, no MA

O crime aconteceu no dia 16 de junho na cidade de Imperatriz. De acordo com as investigações, o crime pode ter sido motivado por uma disputa entre organizações criminosas.


A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA), deu cumprimento, nessa quarta-feira (27), a um mandado de prisão temporária e de busca e apreensão contra o suspeito de participação na tentativa de homicídio contra um homem e sua companheira, uma adolescente grávida de 32 meses.


O crime aconteceu no dia 16 de junho na cidade de Imperatriz, a cerca de 634 km de São Luís.


Segundo a polícia, o suspeito estava escondido em uma casa nas proximidades de onde o crime aconteceu, no bairro São José, em Imperatriz.


De acordo com as investigações, o crime pode ter sido motivado por uma disputa entre organizações criminosas, com ligação ao tráfico de drogas na região.


Ainda segundo a polícia, outro suspeito, que também estaria envolvido no crime, já foi identificado. A polícia segue realizando buscas para localizar todos envolvidos no crime.


O caso

A adolescente de 15 anos foi baleada na noite do domingo (16), na rua 14, no bairro São José, em Imperatriz, na região tocantina.


Segundo a Polícia Militar do Maranhão (PM-MA), a vítima estava na porta de casa com o companheiro, identificado como Douglas Sousa, de 20 anos, quando foram surpreendidos por dois homens que dispararam diversas vezes contra o casal.


Os tiros atingiram a barriga da adolescente, que foi socorrida e levada para a Maternidade de Alto Risco de Imperatriz, onde passou por uma cesárea de emergência. Exames de imagem mostraram que um dos tiros atingiu a perna esquerda do bebê.

0 comentário

Comments


bottom of page