top of page

Prefeito de Cândido Mendes vai acionar na Justiça vereador que jogou dinheiro para a população.


O prefeito de Cândido Mendes, José Bonifácio Rocha de Jesus, mais conhecido como Facinho (PL), divulgou nas redes socais, um vídeo negando ter tentado pagar R$ 350 mil pelo mandato do vereador Cleverson Pedro Sousa de Jesus, o Sababa Filho (PCdoB).




O parlamentar viralizou após vídeos nos quais aparece denunciando o gestor - que lhe teria oferecido R$ 250 mil para renunciar ao cargo - e jogando parte do dinheiro para a população. Se efetivamente deixasse a cadeira na Câmara Municipal, ele seria substituído por um aliado do chefe do Executivo municipal, o suplente de vereador Civaldo Ribeiro (PCdoB).



O prefeito Facinho divulgou uma nota de esclarecimento logo após o ocorrido. Advogados do prefeito afirmaram que o vereador será acionado na Justiça por calúnia e difamação.


Abaixo, a íntegra da nota. 


O prefeito JOSE BONIFACIO ROCHA DE JESUS vem a público, acerca dos fatos envolvendo o vereador SABABA FILHO, esclarecer: primeiro, não manteve nenhum tipo de contato ou teve qualquer tratativa com esse vereador, seu notório inimigo político e conhecido por armações e criar espetáculos, para se promover; segundo, o que o prefeito soube foi que o referido vereador preparou carta de renúncia, tendo comparecido pessoalmente a um Cartório, em São Luís-MA, reconheceu sua assinatura no referido documento e o protocolou na Câmara Municipal, na tarde de ontem (03/08/2023); e por fim, o que se sabe é o que referido vereador estava desesperado, por ter tentado me cassar e não ter conseguido, por não ter fundamentos legais, tampouco quórum necessário para cassação, não tendo para este prefeito nenhuma utilidade em sua renúncia ou não, sendo insignificante a sua saída da Câmara. Tudo não passou de uma simulação para criar tumulto e aparecer.

0 comentário

Comments


bottom of page