top of page

Enem 2023: saiba quando começam as inscrições do Sisu e Prouni


Os dois programas garantem acesso ao ensino superior por meio das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).


As inscrições para a Seleção Única Unificada (Sisu) abrem na próxima segunda-feira (22) e vão até quinta (25). Já o prazo de inscrição no Programa Universidade Para Todos (Prouni) é 22 a 25 de fevereiro. Os dois programas garantem acesso ao ensino superior por meio das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).


Os resultados das provas aplicadas em novembro do ano passado serão divulgados nesta terça-feira (16). O Sisu vai ofertar 264.360 vagas, distribuídas em 127 instituições públicas. Os resultados serão divulgados em 30 de janeiro.


Quem pode participar?


Para participar do processo seletivo do Sisu 2024 é necessário que o candidato tenha participado da edição de 2023 do Enem, não ter zerado a redação e não tenha participado do exame na condição de treineiro — que é o candidato que não concluiu o ensino médio e participa da prova para fins de autoavaliação.


Já o Programa Universidade Para Todos (Prouni) oferece bolsas integrais ao estudante que possua uma renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. O benefício também pode abranger alunos que tenham renda familiar bruta mensal de até três salários mínimos por pessoa. Neste caso, o Prouni banca 50% do valor do curso superior.

Além desses requisitos, todos os beneficiários do programa devem preencher pelo menos um critério listado pelo MEC:


  • ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;

  • ter cursado o ensino médio completo em escola da rede particular, na condição de bolsista integral da própria escola;

  • ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola da rede particular, na condição de bolsista integral da própria escola privada;

  • ser pessoa com deficiência; e

  • ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrante de quadro de pessoal permanente de instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Nesses casos, não há requisitos de renda.


O Enem também possibilita o ingresso em faculdades particulares via Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O programa disponibiliza financiamentos a futuros universitários. Assim como o Prouni, o Fies foi criado para estudantes que não possuem renda suficiente para bancar integralmente um nível superior. O Ministério da Educação ainda não divulgou um calendário oficial do programa, mas a expectativa é que os candidatos possam se inscrever em março.



Fonte O Imparcial.

0 comentário

Comments


bottom of page